segunda-feira, 16 de junho de 2014

Loucura



Preciso encontrar meu lugar
No conforto da escuridão
Antes que seja tarde
Antes que enlouqueça

Estive esperando pela sua volta
Então nunca sai mesmo lugar
Estive esperando algo mudar
Mas o tempo passou
Estou ficando velho
Estou morrendo

Minha alma já não existe
Meu corpo está podre
Minha mente virou um abismo
Onde sua voz ecoa
Quanto mais eu cair
Mais alto eu a ouço
Venha me tirar daqui

4 comentários:

  1. Cada vez que vc escreve,parece que está falando diretamente à mim. Parece que olha em meus olhos,vai até a minha alma e de lá,retira belas palavras para compor seus poemas...

    ResponderExcluir
  2. Dá para sentir bem nítida a dor do poema.
    Espero que possa encontrar motivos para subir novamente e esquecer o que te arrasta para baixo.

    Uma boa semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Palavras escritas assim são sempre sentidas não entendidas

      A você também

      Excluir