segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Discípulo da lua



Nasci para amar eu sei
Cuidar e proteger seu coração
Mas só de imaginar sua solidão
É como uma faca no meu peito
Não poder te amar
Não poder fazer parar

Sinto sua dor aqui no escuro
Vejo suas lágrimas na lua
Ouço seu soluço pelos cantos
Olho para as estrelas
Tento te encontrar
Mas não consigo parar de chorar

Meu grande amor
Estou na escuridão a te esperar
Estendo minhas mãos sangrando
Venha logo me abraçar
Não vai precisar mais chorar
Aqui só precisa amar

Vamos correr na chuva
Se amar na escuridão
Dançar e cantar
Fique perdida comigo
O medo não pode nos achar
Vamos, até os olhos pode fechar.

6 comentários:

  1. Amei...Me deu vontade de ir contigo rs~
    Mas também espero alguem aqui...

    Amei as mudanças no blog (:
    Beijinhos

    Carpe Noctem~

    ResponderExcluir
  2. Sem palavras, sem ar...mas um poema que da vontade de viver.
    Adorei as mudanças e as novas músicas.

    ResponderExcluir
  3. Caro Killer, estou aqui pra pedir permissão de usar duas frases desse poema, como sempre, direcionarei ao seu blog :D

    ResponderExcluir
  4. Obrigado :)

    resolvi mudar um pouco aqui, já era tempo rsrs.

    ResponderExcluir
  5. Saudações nobre Lord Killer!

    Belíssima tua obra!

    mais, hoje não estou aqui
    para falar de vosso post
    e sim para lhe desejar
    BOAS FESTAS e um FELIZ ANO NOVO!

    Abraço!

    --> silenceshadows.blogspot.com

    ResponderExcluir